terça-feira, 28 de maio de 2013


Sinto o peso do tempo em mim
Correr pelas veias
Levando o medo
Saindo no vento

Vou correndo contra o tempo
Vou deixando ele passar
Vou vivendo com ele
Vou amando sem pensar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aguardo sua próxima visita!